Bahia: estudantes da rede estadual terão uma refeição a mais com aulas semipresenciais

Bahia: estudantes da rede estadual terão uma refeição a mais com aulas semipresenciais
Bahia: estudantes da rede estadual terão uma refeição a mais com aulas semipresenciais

Bahia: estudantes da rede estadual terão uma refeição a mais com aulas semipresenciais

Os estudantes da rede estadual terão um reforço na alimentação escolar com o início do ensino híbrido, nesta segunda-feira (26). Para os estudantes do turno matutino serão servidos um café da manhã na chegada à escola e um almoço, antes de ir para casa. Para o vespertino serão servidos o almoço e a ceia antes da saída e no noturno também será servida uma ceia.

Segundo informações do governo, o cardápio foi elaborado pelas nutricionistas da Secretaria da Educação do Estado e incluem frutas, verduras e carnes. O superintendente de Planejamento Operacional da Rede Escolar, Manoel Vicente Calazans, falou que já estão assegurados recursos da ordem de R$ 174,6 milhões do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

Para preparar as refeições, no primeiro semestre deste ano, as merendeiras da rede passaram por capacitações, com foco na manipulação e distribuição da alimentação escolar, de acordo com os protocolos sanitários.

As atividades escolares deverão ocorrer com as turmas divididas pela metade, para seguir o protocolo de manter 50% da capacidade das salas de aula.

De acordo com a Secretaria Estadual de Educação (SEC), só devem ir para as aulas semipresenciais na escola apenas os alunos do Ensino Médio das diferentes ofertas e modalidades.

>>INSS: projeto prevê a liberação de abono extra de R$ 2 mil para segurados

Veja mais