Coelba faz troca de geladeira e ar-condicionado que gastam mais energia por novos; Saiba como funciona

A solução para a redução do valor da conta de energia pode estar naquele equipamento eletrônico velho que já passou do tempo, mas que ainda continua consumindo muito mais do que se imagina. Em tempos de alta da inflação e custos, reduzir o valor das contas em casa é uma das alternativas para os consumidores. Pensando nisso, a Coelba tem o projeto Troca Econômica, que prevê bônus de R$ 285,00 a R$ 585,00 para os consumidores na troca de ar-condicionado, refrigerador(geladeira) ou freezer usado por um novo, com Selo Procel de Economia de Energia, de menor ou igual capacidade. O objetivo é incentivar a substituição para que haja redução de consumo e, consequentemente, redução da conta de energia dos participante.

Na prática, o consumidor que atender aos critérios para participação receberá o bônus durante ou após a aquisição do novo equipamento. Segundo a Coelba, a troca desses equipamentos pode representar uma redução no consumo de energia elétrica de até 35% para consumidores de classe média e 70% para os usuários de baixa renda.

Ao substituir, por exemplo, um refrigerador antigo, ineficiente, por um novo, com Selo Procel, de menor ou igual capacidade, o consumidor pode reduzir em até 30 % a conta de energia.

Troca-Troca

O bônus maior, de R$ 585, será para quem decidir trocar a geladeira. A substituição do freezer rende bônus de R$ 385. Já para o ar-condicionado, a bonificação pela troca é de R$ 285. Quem aderir ao programa vai levar também três lâmpadas de LED de 10W, abatidas no valor do bônus.

Cada lâmpada tem preço de custo de R$ 17, mas será repassada pelo projeto para o consumidor por R$ 5. De acordo com a coelba, são lâmpadas que apresentam uma longa durabilidade  e proporcionam uma economia de até 83% em relação às lâmpadas incandescentes.

Ainda de acordo com companhia, a Coelba investiu cerca de R$ 10 milhões com o projeto. Só de bonificação, o volume chega a R$ 3 milhões.

O projeto integra o programa de Eficiência Energética da Coelba – condição obrigatória para a concessão dos serviços determinada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Como participar

Cada consumidor tem direito a substituição de até dois equipamentos por contrato. Para aderir, é necessário ter mais de 18 anos, ser consumidor residencial ou residencial baixa renda de Salvador ou Lauro de Freitas,  com fornecimento de energia regular e estar em dia com a Coelba.

É preciso também apresentar uma média dos três maiores consumos de energia dos últimos 12 meses igual ou maior que 80 kWh/ mês. Além disso, o consumidor não pode ter adquirido, nos últimos oito anos, equipamento similar com subsídio da concessionária, como os ofertados pelos projetos Energia Verde e Nova Geladeira.

O bônus será pago de duas maneiras. Primeiro, o cliente poderá adquiri-lo no ato da compra em uma das lojas credenciadas, que irá cadastrar o participante e o equipamento pretendido.

Pontos para realizar a inscrição

 A outra forma de recebimento do benefício do programa é por meio de um cartão pré-pago. Após comprar o equipamento, o cliente terá até 30 dias para apresentar a nota fiscal em um dos quiosques do projeto. Após a inscrição, ele receberá um cartão pré-pago com a função débito que poderá ser utilizado em qualquer estabelecimento comercia.

No momento da entrega do eletrodoméstico novo, a Coelba irá recolher o antigo, que será enviado para reciclagem. O site www.trocaeconomicacoelba.com.br foi feito especialmente para informar sobre como participar do projeto e passar dicas sobre consumo consciente e eficiente da energia. As dicas, se aplicadas, poderão fazer a diferença na conta de energia. Veja a tabela de Bonus abaixo:

O bônus maior, de R$ 585, será para quem decidir trocar a geladeira(refrigerador).

Veja mais