Petrobras destinará R$300 milhões a programa social para gás de cozinha

Petrobras destinará R$300 milhões a programa social para gás de cozinha
Petrobras destinará R$300 milhões a programa social para gás de cozinha

Petrobras destinará R$300 milhões a programa social para gás de cozinha

Na noite de quarta-feira (29), a Petrobras anunciou que destinará 300 milhões de reais para um programa social de 15 meses que visa ajudar famílias em situação de vulnerabilidade social a adquirir gás de cozinha.

A medida vem em momento em que o Brasil enfrenta uma crescente inflação, impulsionada pelos altos preços de energia e alimentos, o que tem afetado a popularidade do presidente Jair Bolsonaro antes das eleições do ano que vem.

A estatal afirmou em comunicado ao mercado que detalhes do programa ainda estão sob estudo, incluindo a definição do critério de escolha das famílias que serão beneficiadas e uma busca por possíveis parceiros.

O presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna, afirmou que o movimento reforça o “papel social” da empresa em meio às consequências da pandemia de Covid-19, vista pela estatal como uma situação “exepcional e de emergência.”

“A pandemia e todas as suas consequências trouxeram mais dificuldades para as pessoas em situação de pobreza. Tal fato alerta a Petrobras para que reforce seu papel social, contribuindo ainda mais com a sociedade”, disse Luna.

Ele havia reiterado em entrevista coletiva no início da semana que a Petrobras não mudará sua política de preços para combustíveis.

Duas pessoas próximas à empresa disseram à Reuters, porém, que o executivo esteve em Brasília no final de semana para discutir com autoridades possíveis medidas para amortecer os altos preços.

>>Auxílio Emergencial: confira quem recebe o benefício nesta quinta-feira

*Reuters

Veja mais