Tarifa de ônibus fica mais cara em Salvador a partir de segunda-feira (26)

Tarifa de ônibus fica mais cara em Salvador a partir de segunda-feira (26)
Tarifa de ônibus fica mais cara em Salvador a partir de segunda-feira (26). Foto: Divulgação

Tarifa de ônibus fica mais cara em Salvador a partir de segunda-feira (26)

A partir da próxima semana, os usuários do transporte público devem ficar atentos ao novo valor da tarifa dos ônibus de Salvador, que vai passar a ser de R$ 4,40 a partir de segunda-feira (26). O aumento de 20 centavos representa um percentual de reajuste de 4,76%. O último reajuste aconteceu em março de 2020, quando a tarifa passou a custar os atuais R$4,20.

>>Simões Filho recebe novas doses da vacina e convoca idosos de 60 anos

O reajuste anual, que é previsto em contrato com as concessionárias que operam o transporte público em Salvador, deveria ter acontecido desde março deste ano. Porém, em razão do momento crítico da pandemia, aliado ao processo de intervenção em uma das bacias, o prefeito Bruno Reis optou por adiar o reajuste tarifário. Passada esta fase, o aumento foi autorizado principalmente em função do aumento de insumos básicos para a operacionalização do serviço, em especial o preço do óleo diesel, que teve aumento acima dos 20% nos últimos meses.

>>Prefeito anuncia retomada das aulas em Salvador: confira a data e os protocolos

A análise para definição do valor da tarifa foi realizada pela Agência Reguladora e Fiscalizadora dos Serviços Públicos de Salvador (Arsal). O cálculo é feito de acordo com as variações do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), do preço do diesel e do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no período de 12 meses entre o último reajuste e o mês anterior ao da revisão tarifária.

Após a prefeitura anunciar o aumento da passagem  através de uma nota à imprensa, o decreto do reajuste do bilhete já foi publicado no Diário Oficial do Município no mesmo dia, em uma edição extra.

>>Após manifestação, paciente em estado grave consegue regulação em Simões Filho

A publicação imediata tem um motivo específico: é preciso um tempo de 48 horas entre o aviso e a execução, se a prefeitura demorasse mais um dia para publicar o decreto, teria que começar a cobrar o valor mais alto na passagem só na terça (27). Agora, conforme o decreto, a partir de meia-noite de segunda (26), no valor de R$ 4,40.

Veja mais