Antiga fábrica da Fafen é reaberta em Camaçari e deve gerar 500 empregos diretos e indiretos

Antiga fábrica da Fafen é reaberta em Camaçari e deve gerar 500 empregos diretos e indiretos
Antiga fábrica da Fafen é reaberta em Camaçari e deve gerar 500 empregos diretos e indiretos

Antiga fábrica da Fafen é reaberta em Camaçari e deve gerar 500 empregos diretos e indiretos

A antiga Fábrica de Fertilizantes do Nordeste (Fafen) foi reaberta nesta quarta-feira (3), no Polo Industrial de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. A unidade de produção foi arrendada pelo Grupo Unigel, em 2020, por meio da empresa subsidiária Proquigel Química, com investimentos estimados na ordem de R$ 95 milhões, gerando 500 empregos diretos e indiretos.

O governador Rui Costa participou cerimônia de inauguração, e destacou a importância da fabrica para a economia do país.

“Os maiores produtores de alimentos produzem internamente, em seus países, mais de 80% dos fertilizantes que precisam. O Brasil é o único que faz o inverso: produz apenas 20%. Então, do ponto de vista estratégico, é fundamental para a nação brasileira aumentar a produção de fertilizantes”, disse Rui Costa.

A Proquigel também adquiriu a unidade da Fafen de Sergipe. Além das duas fábricas de fertilizantes, o arrendamento inclui os terminais marítimos de amônia e ureia no Porto de Aratu, na Bahia. Somadas, as duas plantas terão capacidade de produzir 925 mil toneladas de amônia, 1,125 milhão de toneladas de ureia e 320 mil toneladas de sulfato de amônio.

A planta da Bahia já havia retomado as atividades no fim de maio de 2021 e, por volta de agosto, começou a operar plenamente. Durante o evento, o fundador da Unigel, Henri Slezynger, afirmou que empresa irá investir na instalação de uma fábrica de amônia verde em Camaçari.

>>Câmara aprova texto-base da PEC dos Precatórios e viabiliza a implantação do Auxílio Brasil

Veja mais