Bahia: Limite de público em eventos e estádios é reduzido a 3 mil

Bahia: Limite de público em eventos e estádios é reduzido a 3 mil
Bahia: Limite de público em eventos e estádios é reduzido a 3 mil

Bahia: Limite de público em eventos e estádios é reduzido a 3 mil

Conforme havia anunciado na manhã desta segunda-feira (10), através das redes sociais, o governador da Bahia Rui Costa reduziu o limite de público em eventos e estádios. A redução ocorre por conta do aumento de casos de Covid-19, incluindo da variante Ômicron, na Bahia. O público foi reduzido para 3 mil pessoas.

Atualmente, os estádios podem receber 70% da capacidade. Já os eventos tem autorização de receber até cinco mil pessoas. Com a atualização, ambos limites serão reduzidos a três mil. As medidas serão publicadas na edição desta terça-feira, 11, do Diário Oficial do Estado.

A redução de público em eventos e estádios foi dada em primeira mão no Bahia Meio dia no início da tarde desta segunda-feira.

“Em função do aumento de número de casos, reduzimos de cinco mil para no máximo três mil pessoas, limitado a 50% da capacidade do ambiente. Isso vale para cinema, teatro, qualquer outro espaço de evento”, disse Rui Costa em entrevista à Tv Bahia.

O governador também falou sobre a situação dos estádios, bares e restaurantes. “No caso de estádio, qualquer evento esportivo também está limitado a três mil pessoas. No caso de bares e restaurantes, não limitamos a quantidade de pessoas, mas tem a exigência de exigir o passaporte da vacina”.

Para falar sobre o risco de aglomerações, Rui usou como exemplo a alta de casos registrados em Praia do Forte após registros de aglomerações durante festas de Natal e Réveillon.

“Toda vez que você aglomera pessoas e elas não usam máscaras e não estão vacinadas, a tendência é que tenhamos uma explosão de casos, como o que aconteceu em Praia do Forte”, disse.

As medidas anunciadas no inicio da tarde de hoje para reduzir o número de casos de Covid, serão publicadas na edição desta terça-feira, 11, do Diário Oficial do Estado.

>>Rui Costa anuncia que vai reduzir público de eventos na Bahia