Queiroga admite que Ministério da Saúde não tem infectologista na equipe

Queiroga admite que Ministério da Saúde não tem infectologista na equipe
Queiroga admite que Ministério da Saúde não tem infectologista na equipe. Foto: Sergio Lima/Poder360

Queiroga admite que Ministério da Saúde não tem infectologista na equipe

Ao responder sobre os motivos acerca da desistência da nomeação da médica dra. Luana Araújo, o ministro Marcelo Queiroga admitiu que o corpo técnico do Ministério da Saúde não tem nenhum outro infectologista em sua equipe. No seu retorno à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, Queiroga diz que tem a pasta tem “perdido quadros” nos últimos tempos e que há dificuldade em encontrar profissionais capazes dispostos a aceitar um cargo.

>>China desenvolve vacina contra covid-19 por inalação

Sobre a desistência da nomeação da dra. Luana Pinheiro, Queiroga desmentiu a versão da médica e garantiu que o nome dela foi aprovado pela Casa Civil.

Ele garantiu também que desconhecia a opinião da infectologista sobre o uso de medicamentos como ivermectina e hidroxicloroquina e que isto não interferiu no recuo da sua nomeação.

>>Governo avalia prorrogar auxílio emergencial até setembro

“Não conhecia os posicionamentos acerca da Dra. Luana, ela estava trabalhando em testes, pela retomada econômica. Chamei para ajudar nesse sentido. Todas as nomeações passam pela apreciação da Casa Civil, da Segov, mas não houve óbice formal das duas instâncias”, respondeu Queiroga.

“Eu decidi desistir do nome da Dra. Luana pois acreditei que o nome dela não seria adequado, eu posso exonerar ou deixar de nomear qualquer um dos meus secretários […] entendi que ela não ia contribuir para o meu projeto à frente do ministério”, completou.

>>Governo da Bahia prorroga toque de recolher até 15 de junho em todo o estado

Veja mais