Cinco mitos sobre cabelos oleosos que você não deve acreditar

Mulher Penteando o Cabelo

Cinco mitos sobre cabelos oleosos que você não deve acreditar. Se o seu cabelo produz mais sebo do que o normal, existem vários mitos sobre cabelos oleosos que você não deve acreditar.

>>Máscara capilar de arroz caseira para ter cabelos com mais brilho

Tendência no-poo

Com certeza você também já ouviu falar da tendência “no-poo”, que consiste basicamente em não usar shampoo para lavar o cabelo. Trata-se de substituí-lo por uma mistura caseira à base de vinagre, água e bicarbonato de sódio. É uma boa ideia? Em absoluto. Não lavar o cabelo não impede que as glândulas sebáceas produzam óleo, mas ele se acumula no couro cabeludo e pode causar diversos problemas.

A água quente remove a gordura

É uma boa ideia lavar o cabelo com água quente? Definitivamente não. No entanto, diz-se que aqueles com cabelos oleosos o fazem porque ajuda a remover o sebo. Mas produz o efeito contrário: a água quente estimula as glândulas sebáceas, que produzem mais óleo. Lavar o cabelo com água fria também não é recomendado porque resseca a pele. É melhor se a água estiver morna.

>>Infusão natural de hibisco para acelerar o crescimento do seu cabelo

Não é uma boa ideia lavar o cabelo diariamente

As pessoas tendem a acreditar que o cabelo não deve ser lavado diariamente, principalmente quando está oleoso. Mas não há base científica para afirmar tal coisa.

Embora seja recomendável lavá-lo a cada dois ou três dias para não remover os óleos que protegem o couro cabeludo, não há problema em fazê-lo todos os dias. Agora, você tem que usar os produtos certos e aplicá-los na quantidade certa.

Hidratar cabelos oleosos é um erro

Um dos principais mitos sobre cabelos oleosos é que não é necessário hidratá-los. Além disso, em muitos casos, a produção excessiva de sebo se deve ao ressecamento do couro cabeludo, embora pareça um pouco ilógico.

Uma espécie de efeito rebote é produzido, aumentando a quantidade de sebo no couro cabeludo para se proteger. Tanto o cabelo como o couro cabeludo precisam de ingredientes hidratantes e purificantes em partes iguais.

>>Segredos para ter uma mudança radical e duradoura no seu cabelo

Você tem que escová-lo constantemente

E, finalmente, há uma tendência a acreditar que escovar os cabelos constantemente impede a produção de sebo. Nada poderia estar mais longe da verdade. Isso causa atrito, que faz com que a cutícula se quebre e o cabelo perca a vitalidade. Além disso, o atrito da escova no couro cabeludo gera mais oleosidade. É melhor desembaraçar suavemente o cabelo com um pente com cerdas separadas e grossas.